Técnico diz que liderança do Bahia de Feira não é um acaso
14/02/2019 11:46 em NOVIDADES

Por: Cristiano Alves /  Jornal Folha do Estado

O Bahia de Feira vem liderando o Campeonato Baiano desde a primeira rodada e no momento tem 11 pontos mesma pontuação do Vitória, vice-líder, mas leva a melhor no número de gols marcados. Um momento especial valorizado pelo treinador da equipe, Quintino Barbosa, o Barbosinha que em entrevista ao programa Bolha Sports, da Rádio Geral ressaltou o seguinte: “a liderança não é por acaso”.

Desde setembro o Bahia de Feira vem se preparando para a temporada 2019 e, além disso, o fato de mandar seus jogos no seu próprio estádio são elementos que contribuem para o momento do time. Quintino Barbosa ressaltou que o momento vivido não é um acaso.

“É fruto de um trabalho árduo, que envolve planejamento administrativo, estrutural, financeiro e a ‘cereja do bolo' é o time em campo: sem estrelas, um grupo de guerreiros que dão o melhor de sie que agora vem tendo uma renovação mais evidente, com a entrada de vários garotos oriundos das divisões de base cujo trabalho já vem sendo desenvolvido há um bom tempo e ganhou mais força com a inauguração da nossa estrutura”, observou.

Sobre os novos atletas que estão entrando na equipe a exemplo de Micael, Fabrício e Bispo, este último titular absoluto do Tremendão, Barbosa comemora o momento. “Quando coloco esses meninos para jogar e eles correspondem me enche de orgulho e satisfação porque é a prova de que estamos no caminho certo. Hoje recebemos atletas da Bahia e de outros Estados que nos procuram porque enxergam a credibilidade do trabalho que é feito aqui. Seria maravilhoso se as autoridades olhassem o esporte de outra forma e apoiassem trabalhos de base ou implementassem políticas públicas que contemplassem o surgimento de novos valores. Feira de Santana tem um grande potencial que precisa ser melhor explorado”, afirmou.

 CONTESTOU

Em alguns grupos de WhatsApp, muitas pessoas vêm colocando que o Bahia de Feira foi favorecido pela tabela, já que atua cinco vezes na Arena Cajueiro, mas o treinador Barbosinha rebateu essa questão.

“Será que essas pessoas acham mesmo que houve isso? Nós já enfrentamos a dupla BaVi, vencemos uma e empatamos outra e além disso tivemos problemas no jogo do Jacobina que foi dentro de casa e nós empatamos. Cadê a facilidade e o favorecimento? Não existe isso não. O que existe é um trabalho árduo de todos para que o Bahia de Feira esteja nesse patamar”, declarou.

Em relação ao futuro, Quintino Barbosa disse que a principal meta é classificar o time. “Temos que viver cada dia e dar um passo de cada vez: primeiro vamos buscar classificar o Bahia de Feira e depois vamos em busca de outros objetivos. Primeiro temos que avançar para pensar nos próximos passos”, afirmou o técnico.  

COMENTÁRIOS